Polêmica! Ex-promessa do Flu revela motivos que o levaram a se aposentar

Lenny, que brilhou pelo clube no primeiro semestre de 2006, diz que jogar em clube pequeno é horrível e ataca: 'Os jogadores não pensam'

Por O Dia

Rio - O começo de carreira de Lenny, revelado pelo Fluminense, foi o sonho para todo jovem jogador. Promessa de Xerém, o atacante de então 18 anos despontava para o futebol em 2006 com jogadas plásticas, dribles em velocidade e golaços. Mas o que era pra ser o começo de um novo craque foi também o fim de um jogador de alto nível, até que o atleta encerrasse a carreira, este ano.

Lenny passou pelo Boavista em 2016. Promessa da década passada, jamais se firmou e se aposentou em 2016Divulgação

E os motivos que o levaram a se aposentar ele revelou em entrevista ao site UOL, neste sábado. Um deles é que, para o agora ex-jogador, seria difícil jogar com "gente ruim". "Seria muito complicado, eu me conheço, eu tenho a minha personalidade muito forte. Fora de campo é uma coisa, todo mundo é gente boa, mas dentro de campo é diferente", afirmou o ex-atleta, hoje dono de duas lanchonetes de onde tira o sustento para "sobreviver, pagar as coisas e viver bem".

Para Lenny, voltar a a atuar em clube pequeno com "jogadores que não pensam" seria horrível. "Se eu voltar não vou jogar num clube grande, eu teria que voltar num clube pequeno e ter que lidar com gente ruim, isso é horrível. Jogar com gente ruim é horrível, eles não pensam", declarou.

Atualmente com 29 anos, Lenny jogou no Fluminense de 2005 a 2007, quando foi emprestado para o Braga, de Portugal. Voltou ao Brasil para uma temporada no Palmeiras, onde ficou até 2010, mas, por conta de uma série de lesões, jamais se firmou. A partir de então, virou um andarilho da bola: Figueirense, Desportivo Brasil, Boavista, Ventforet Kofu do Japão, Madureira, Atlético Sorocaba e Boavista novamente. Ano passado, tentou retomar a carreira na Portuguesa de Desportos, onde fez testes, mas não chegou a assinar contrato.