Abandonando o barco? Gustavo Scarpa pode deixar o Fluminense ainda nesta sexta

Fenerbahce, da Turquia, oferece 10 milhões de euros pelo camisa 10

Por O Dia

Rio - A janela de transferências na Europa fechou, mas ainda existe uma pequena fresta que preocupa, e muito, os torcedores do Fluminense. A pedido do técnico Dick Advocaat, o Fenerbahce, da Turquia, fez uma proposta de 10 milhões de euros (R$ 37,2 milhões) para contratar Gustavo Scarpa, e o prazo de inscrições no futebol turco termina nesta sexta-feira. Segundo a imprensa local, os dirigentes do Fenerbahce já teriam chegado a um acordo com o empresário do atleta, incluindo as bases salariais. Mas a diretoria tricolor não pretende liberá-lo facilmente.

Scarpa pode ser o próximo a deixar o Flu, que pede 15 milhões de euros pelo apoiadorNelson Perez/ Fluminense F.C. / Divulgação

Dono de 40% dos direitos econômicos do camisa 10, o Fluminense teria recusado a oferta e exigido 15 milhões de euros (R$ 55,8 milhões) para fechar a transação. Desta maneira, o clube embolsaria aproximadamente R$ 22 milhões. Para efeito comparativo, no começo da temporada o Palmeiras havia feito uma oferta de R$ 20 milhões, que foi prontamente negada pelo presidente Pedro Abad. Por causa desse assédio, Scarpa teve seu contrato refeito e ampliado até dezembro de 2020, além de ter a multa rescisória inflacionada — o valor não foi divulgado pelo clube.

Caso aceite assinar com o Fenerbahce, Scarpa, 23 anos, terá pouca projeção internacional nesta temporada, já que o time foi eliminado logo na fase preliminar da Liga Europa pelo modesto Vardar, da Macedônia. Desta maneira, o time estará limitado a disputar competições nacionais.

Caso seja negociado, Scarpa será o terceiro jogador a deixar as Laranjeiras em apenas um mês. O Fluminense já havia vendido o atacante Richarlison para o Watford (Inglaterra) — a transação rendeu R$ 23 milhões — e o volante Wendel para o Paris Saint-Germain, mas ele só irá para a Europa em janeiro.