Dourado admite situação inesperada no ano e mostra confiança na recuperação

Flu está a apenas um ponto da zona de rebaixamento do Brasileiro

Por O Dia

Rio - Vivendo um momento bem complicado na temporada, o Fluminense tem o Flamengo como próximo adversário no Brasileiro. O clássico é a última partida da equipe na competição, antes de uma sequência contra equipes que também brigam contra o rebaixamento. Para Henrique Dourado, a fase da equipe carioca não permite lutar por outro resultado que não a vitória em todas as partidas que vierem pela frente.

"O Brasileiro não permite escolher adversários. Ainda mais na nossa situação. No primeiro turno, a gente viveu algo parecido. Empatamos com Flamengo e ganhamos do Avaí. Temos de nos superar de novo. São jogos de seis pontos. Temos de ganhar.", afirmou.

Henrique Dourado falou do momento do FluminenseNelson Perez/ Fluminense F.C. / Divulgação

Após um começo de Brasileiro em que flertou com as primeiras posições, o Fluminense encara a realidade da luta contra o rebaixamento. O Ceifador admitiu que o momento atual não estava nos planos do Tricolor das Laranjeiras.

"Eu falei também que o nosso time iria brigar pela parte de cima. A gente não contava com algumas lesões. Queira ou não queira, isso afetou a nossa base de time. O momento, de qualquer forma, é de trabalhar e unir forças. Os atletas e a comissão técnica estão conversando e contamos com a ajuda da torcida para melhorar", disse.

Dourado aproveitou para falar da importância do técnico Abel Braga no Fluminense. A experiência e o currículo vitorioso do treinador são armas da equipe para superar o momento ruim na temporada.

"O Abel tem sido fundamental. Não é porque estamos passando por esse momento que a importância dele muda. Ele nos ajuda, ajuda muito. Nosso time é jovem e precisa disso. É importante ter um cara como ele.", concluiu.