Por jessyca.damaso

Rio - As cenas de vandalismo e violência que aconteceram na noite da última quarta-feira após o Flamengo perder o título da Copa Sul-Americana para o Independiente, não se limitaram às imediações do Maracanã. Em Vista Alegre, Zona Norte do Rio, o atacante do Fluminense Marquinhos Calazans foi vítima da fúria de dois torcedores do Flamengo, que deram um chute em seu joelho direito, operado em agosto, dentro de uma lanchonete. As informações foram confirmadas pelas assessorias do clube e do jogador.

Calazans sofreu grave lesão no joelhoLucas Merçon / Fluminense/ Divulgação

O atacante estava em um bar da região acompanhado pela sua namorada e um casal de amigos. O jogo já havia acabado, quando ele foi reconhecido por dois torcedores rubro-negros. Depois da provocação, os casais resolveram deixar o local e ir para uma lanchonete ao lado.

No entanto, isso não resolveu, porque a dupla passou a persegui-lo e ainda ficar mais agressiva. Calazans pediu para parar e então houve a primeira tentativa de agressão. O jogador conseguiu se esquivar mas sua namorada foi atingida. Então o atacante foi defendê-la e teve o joelho acertado.

Um torcedor do Fluminense, que estava no local, e funcionários da lanchonete tiveram que se intrometer na briga para impedir que algo pior acontecesse. Até o momento Marquinhos não registrou um Boletim de Ocorrência, mas pretende fazê-lo após conversar com seus advogados e tentar recuperar as imagens das câmeras do estabelecimento.

Marquinhos Calazans ainda vai ter que passar por uma avaliação do Departamento Médico do Fluminense para saber a extensão do trauma causado pelo chute dos torcedores.

Você pode gostar