Por fabio.klotz
Rio - Campeão olímpico nos 50m livre em Pequim-2008, bronze em Londres-2012 e tricampeão mundial na mesma prova, o veterano Cesar Cielo ainda é, aos 28 anos, um dos grandes destaques da equipe brasileira que vai em busca de medalhas nas piscinas do Rio.
Cesar Cielo ainda busca vaga na Olimpíada do RioFoto%3A Divulgação / Satiro Sodré / SSPress

Mas Cielo ainda luta pela vaga nos Jogos. E terá de buscá-la em abril, no Troféu Maria Lenk, no Rio de Janeiro. Ele falhou na primeira tentativa, no Brasileiro Open, em Palhoça, Santa Catarina.

Outro experiente nadador, o fluminense Thiago Pereira, de 29 anos, espera voltar ao pódio no Rio. Em Londres, ele ficou com a medalha de prata nos 400m medley.

Mas eles não são os únicos nomes de uma geração que tem tudo para fazer história no esporte brasileiro. Bruno Fratus, Felipe França, Guilherme Guido e Nicholas Santos também mergulharão em busca do ouro olímpico.

Thiago Pereira será uma das esperanças de medalhas do BrasilUSA Today Sports

Nos últimos anos, a modalidade evoluiu muito no Brasil. No Mundial de piscina curta de 2014, em Doha, no Catar, o País terminou em primeiro no quadro de medalhas. A competição, no entanto, tem várias provas não-olímpicas. As provas de natação já deram ao Brasil 13 medalhas nos Jogos.

Allan vence e convence
Publicidade
Aos 26 anos, o baiano Allan do Carmo desponta como um dos grandes favoritos para a conquista da medalha de ouro na prova de maratona aquática, nos Jogos do Rio.
Em agosto, ele venceu o evento-teste para a Olimpíada, em Copacabana. A exemplo das brasileiras Ana Marcela Cunha e Poliana Okimoto, Allan do Carmo já está classificado para os Jogos e vem se destacando com ótimos resultados em competições.
Publicidade
Há poucos meses, no Mundial de Kazan, na Rússia, Allan conquistou a medalha de prata. Ele já havia sido bronze dois anos antes.