Seleções de vôlei brigam pelo terceiro ouro olímpico

Homens foram campeões em 1992 e 2004 e as mulheres venceram em 2008 e 2012

Por O Dia


Rio - Tanto para os homens quanto para as mulheres do vôlei brasileiro, a briga na Rio-2016 é pelo terceiro ouro olímpico. As meninas comandadas por José Roberto Guimarães tentam o tricampeonato consecutivo, após saírem consagradas com o lugar mais alto do pódio em Pequim-2008 e Londres-2012.

Seleção feminina conquistou primeiro ouro em 2008Efe

Na capital chinesa, a Seleção feminina perdeu apenas um set em oito jogos. Na final, o Brasil derrotou os Estados Unidos por 3 sets a 1 (25/15, 18/25, 25/13 e 25/21), garantindo o ouro inédito. Antes, as brasileiras haviam sido bronze em Atlanta-1996 e Sydney-2000. Em Pequim, a campanha rumo ao título teve ainda vitórias sobre Argélia, Rússia, Sérvia, Cazaquistão, Itália, Japão e China.

Quatro anos depois, em Londres, veio o bicampeonato olímpico. Mas não foi nada fácil chegar ao título. A Seleção fez uma campanha irregular na primeira fase e, após a derrota para a Coreia do Sul, viu a vaga para as quartas de final ficar ameaçada.

A Seleção se reabilitou com vitórias sobre China e Sérvia. Para avançar à semifinal, foi preciso passar pela Rússia, num jogo em que o Brasil salvou seis match points, cinco deles em bolas de Sheilla. Depois, o Brasil passou pelas japonesas e, na decisão, superou as americanas por 3 a 1 (11/25, 25/17, 25/20 e 25/17).

Presentes também em 2008, Fabiana, Thaisa, Paula Pequeno, Fabi, Jaqueline e Sheilla foram consagradas como bicampeãs olímpicas.

Com Bernardinho%2C seleção masculina de vôlei do Brasil levou o segundo ouro em 2004Divulgação

A HORA DE VOLTAR AO TOPO

A Seleção masculina de vôlei, comandada por Bernardinho, briga para voltar a ser campeã olímpica 12 anos após ter conquistado o ouro pela última vez, em Atenas-2004. A primeira conquista veio em Barcelona-1992, quando José Roberto Guimarães estava à frente da equipe.

Nas duas últimas edições das Olimpíadas, o time masculino levou a medalha de prata. Em Pequim-2008, o Brasil perdeu a final para os Estados Unidos por 3 sets a 1 (20/25, 25/22, 25/21 e 25/23). E, em Londres-2012, o ouro ficou com a Rússia, que venceu a Seleção por 3 sets a 2 (19/25, 20/25, 29/27, 25/22 e 15/9). Agora, no Rio, o sonho é subir ao lugar mais alto do pódio novamente.

Últimas de _legado_Olimpíada