Paes minimiza problemas em inauguração: 'Praticamente resolvido'

Prefeito disse que o carioca já se beneficia das Olimpíadas e que pesquisa que mostrou 60% o contrário é pessimista

Por O Dia

Rio - O prefeito Eduardo Paes inaugurou o Rio Media Center, na Cidade Nova, nesta quarta-feira, e aproveitou a ocasião para minimizar os inúmeros problemas encontrados por atletas na Vila Olímpica. "Estão praticamente resolvidos", afirmou Paes. Segundo o prefeito, o carioca "já vive o legado olímpico". 

O prefeito comentou ainda o fato de 60% dos entrevistados de uma pesquisa encomendada pelo Ibope terem dito que os Jogos representam "mais prejuízos" do que benefícios para a cidade. Ele rebateu o levantamento e afirmou que isso é pessimismo. 

'Carioca já vive o legado olímpico'%2C diz PaesPaulo Carneiro/Parceiro/Agência O Dia

"À medida em que as informações forem chegando, a população vai entender a grandeza dos Jogos Olímpicos. A cidade do Rio já vive o legado, a população já está se beneficiando. A Olimpíada representa um enorme sucesso para a cidade, uma grande vitória", afirmou Paes.

Desde que chegaram no Rio, Austrália, Suécia e Argentina chegaram a deixar a Vila dos Atletas, além de outras delegações que manifestaram queixas a respeitos das intalações nos apartamentos.

'Queremos encanadores e não cangurus', diz Austrália a Paes

As reclamações a respeito da Vila dos Atletas vão desde banheiros alagados até "forte cheiro de gás", como revelou a delegação da Austrália, que deixou o local e foi para hotéis neste domingo, citando também vazamento de água e defeitos na parte elétrica, só voltando na noite desta terça-feira.

O caso dos australianos foi o mais polêmico pela resposta do prefeito às suas queixas. Após a chefe de missão da Austrália, Kitty Chiller, manifestar insatisfação, Paes deu uma declaração polêmica, que virou piada e enfureceu o comitê australiano. 

"Estou quase botando um canguru na frente do prédio deles, para ficar pulando e eles se sentirem em casa", afirmou o prefeito do Rio. Após saber disso, o  diretor de comunicação do comitê olímpico australiano, Mike Tancred, disparou: "Queremos encanadores e não cangurus para dar conta dos vários lagos que encontramos nos apartamentos".

Brasília se preocupa com problemas da Vila Olímpica 

Apesar de o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, e o presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, Carlos Arthur Nuzman, terem minimizado, em entrevista na última terça-feira, todos os problemas existentes na Vila Olímpica, o Palácio do Planalto está "muito preocupado" com todas as queixas de infraestrutura que estão sendo detectados no local de hospedagem dos atletas nos Jogos do Rio, com a segurança na área, assim como os prejuízos que estão trazendo para a imagem do País.

Há também preocupação com o fornecimento de energia. Além das inúmeras queixas que chegam ao Planalto, o próprio prefeito do Rio, Eduardo Paes, "pediu socorro" às autoridades palacianas, telefonando para alguns gabinetes do Planalto, em Brasília.

Eduardo Paes se disse "muito preocupado" tanto com estes problemas que estão ocorrendo nos apartamentos, como de roubos ocorridos no local, e chegou a falar até da necessidade de recursos para ajudar a Prefeitura do Rio a enfrentar os percalços de ultima hora. No dia 30 de junho, o presidente em exercício Michel Temer assinou Medida Provisória liberando R$ 2,9 bilhões para socorrer o estado do Rio.

Últimas de _legado_Olimpíada