Por bianca.lobianco

Rio - O prefeito Eduardo Paes apelou novamente ontem para que a população do Rio de Janeiro evite se deslocar durante a Olimpíada, para prevenir transtornos com congestionamentos. “Não estamos vivendo tempos normais”, alegou Paes, em evento para apresentar o legado dos Jogos no Parque Olímpico. E reconheceu que “serão dias confusos, mas, ao mesmo tempo, alegres.”

Desde o primeiro minuto de hoje, já começaram as interdições no entorno do Maracanã, incluindo o sentido Centro da Radial Oeste. Já o sentido Méier tem a interdição iniciada às 6h. Tudo para facilitar a chegada dos 12 mil atletas e voluntários, em cerca de 300 ônibus.

Prometendo fazer a festa de abertura de Jogos Olímpicos mais bonita de todos os tempos, os organizadores evitavam, até a noite de ontem, dar detalhes sobre como será a ordem os desfiles das delegações, o que artistas, como Caetano Veloso, Gilberto Gil e a funkeira Anitta irão cantar, entre outras surpresas.

Além das especulações de que o Rei Pelé acenderá a Pira Olímpica e que a atriz Fernanda Montenegro declamará um poema, quase nada foi divulgado, para não ofuscar a expectativa das 50 mil pessoas que vão ao Maracanã, e das cerca de 5 bilhões que deverão acompanhar o espetáculo de três horas pela TV e redes sociais.

Apesar dos mistérios, a euforia dos diretores de criação do evento dão pistas de como o espetáculo será grandioso. “Mostraremos que somos o último jardim natural do mundo. Que ostentamos a maior diversidade de raças do planeta, onde judeus, mulçumanos e católicos brindam, juntos, um chope”, comenta Abel Gomes.

Fernando Meireles garante que o que ficará é a mensagem da tolerância. “O mundo está tenso. É preciso buscar semelhanças, celebrar diferenças e respeitar o planeta”. “Nós nos ‘viramos nos trinta’ para fazer o que orçamento permitiu. Fomos muito ao Saara”, completou o diretor Andrucha Washington.

Como chegar à cerimônia

A cerimônia no Maracanã está marcada para 20h, mas os portões abrem às 16h30, e os shows preliminares começam às 19h15. Quem for pegar a Linha 2 do metrô deve desembarcar em São Cristovão, porque a Estação Maracanã será só para a família olímpica. Já quem vai pela Linha 1, o acesso é a São Francisco Xavier. Quem for usar os trens da SuperVia deve sair também na Estação São Cristóvão. É proibido a entrada com vidros, bastão de selfie, capacete, equipamentos esportivos, e objetos que emitam som.

Você pode gostar