Duda Amorim enaltece triunfo do Brasil: 'A Noruega não perde mais na 1ª fase'

Armadora, que foi eleita melhor do mundo em 2014, exaltou a atuação do time brasileiro, mas pede melhora em quadra

Por O Dia

Em um jogaço, o Brasil venceu a Noruega por 31 a 28 e estreou com o pé direito no handebol feminino dos Jogos Olímpicos do Rio. A armadora Duda Amorim exaltou a atuação brasileira, mas acha que existem boas chances de encontrar as bicampeãs olímpicas de novo pelo caminho.

Duda Amorim teve uma boa atuação%2C distribuindo assistências para a equipe brasileiraWillian Lucas / Inovafoto / Divulgação

"Conseguimos defender e atacar muito bem. Foi um jogo muito feliz. Sou muito critica e acho eu temos espaço para melhorar. A gente sabia que era importante começar bem por causa da confiança. E sabemos que a Noruega não será mais derrotada nessa fase. Posso dizer que elas não vão perder mais nessa fase. Foram dois pontos muito importantes para a classificação", garantiu a camisa 18, que já pensa nas romenas, adversárias de segunda-feira.

LEIA MAIS: Ana Paula brilha e Brasil bate a Noruega em 'final antecipada' no handebol

"Temos que manter os pés no chão. Foi um só jogo. Temos que nos recuperar para pensar nas romenas. Temos que "matar" elas também".

Duda foi só elogios para a atmosfera na Arena do Futuro, mas confessou não ter ouvido os gritos de "o campeão voltou" gritados na parte final do jogo por estar completamente focada na partida.

LEIA MAIS: Mayssa revela segredo da boa atuação: 'Consigo jogar pressionada'

"Foi muito lindo. É realmente emocionante. Tem que cuidar em alguns momentos para segurar a emoção porque a torcida vibra mesmo. Elas contagiam positivamente a gente. Mas temos que ficar focadas. Pessoal falou que eles gritaram que o campeão voltou, mas nem ouvi de tão focada que estava ali dentro. Mas lógico que escutei em alguns momentos. Eles foram muito importantes. A atmosfera estava linda."

Últimas de _legado_Olimpíada