Resumo do dia: Diego Hypolito tem redenção no solo e Bolt faz história no Rio

Brasil conquistou duas medalhas na ginástica; jamaicano conquistou pela terceira vez o ouro nos 100m rasos, algo inédito na história

Por O Dia

Rio - O domingo foi de medalhas para o Brasil. Na ginástica, Diego Hypolito e Arthur Nory conquistaram a prata e o bronze, respectivamente no solo. O resultado foi uma redenção para Diego, que conseguiu uma medalha olímpica, após chegar como grande favorito em Pequim, 2008, e acabar fora do pódio. Usain Bolt escreveu a sua primeira história dourada no Rio. Nos 100m rasos, o jamaicano se tornou o primeiro tricampeão olímpico da história na prova mais nobre do atletismo. O dia foi excelente também para Robson Conceição. O brasileiro derrotou o cubano, Lázaro Álvarez, e vai disputar a final olímpica no Peso ligeiro ( até 60kg) do boxe. O dia também teve a vitória do handebol feminino do Brasil sobre Montenegro, que valeu a classificação em primeiro lugar do grupo. No vôlei de praia, o Brasil garantiu pelo menos uma medalha de brozne. Primeiro, Talita e Larissa superaram de virada a dupla suíça, Heidrich e Zumkehr, e se classificaram para a semifinal. Depois foi a vez de Aghata e Bárbara, que derrotaram a dupla da Rússia, Ekaterina Birlova e Ekaterina Birlova. Nas quadras, o Brasil derrotou a Rússia pelo vôlei feminino e vai enfrentar a China nas quartas de final.

FOTOGALERIA: Confira as imagens do domingo (14) da Rio-2016

Medalhas na Ginástica

O domingo foi história para a ginástica brasileiro. Do pódio no sólo, dois lugares foram verde e amarelo. Diego Hypolito conseguiu a prata e Arthur Nory ficou bom o bronze. A medalha de ouro foi do britânico, Max Whitlock. Um dos principais nomes da história da ginástica artística brasileira, Diego Hypolito, finalmente conseguiu uma medalha olímpica. O brasileiro, que já havia sido campeão mundial, perseguia o resultado desde 2008, em Pequim.

Diego Hypolito conquistou a medalha de prataEfe

Robson Conceição chega na final

O pugilista Robson Conceição já tinha o bronze garantido, mas o brasileiro queria mais. Diante do cubano, Lázaro Alvarez, o boxeador conseguiu uma vitória por decisão unânime e está na decisão olímpica do peso ligeiro (até 60 kg). A decisão da categoria acontece na terça-feira e Robson terá o francês,  Sofiane Oumiha, pela frente.

Robson Conceição venceu por decisão unânime e garantiu vaga na finalMárcio Mercante / Agência O Dia

Brasil avança em primeiro

A seleção brasileira feminina de handebol derrotou Montenegro por 29 a 23 e se classificou em primeiro no seu grupo. O Brasil tem desafio pelas quartas de final da competição na terça-feira, porém, as meninas ainda não sabem quem vão enfrentar na Olimpíada.

O Brasil se classificou para as quartas de final como o primeiro do Grupo AAndre Durão / Globoesporte.com / NOPP

Praia garante medalha

Com duas duplas nas semifinais, o vôlei de praia brasileira garantiu pelo menos uma medalha de bronze. Primeiro avançaram Talita e Larissa. Elas sofreram, mas venceram as suíças, Heidrich e Zumkehr por 2 a 1 (parciais de 21-23, 27-25 e 15-13) e se classificaram. De noite, Aghata e Bárbara derrotaram a dupla da Rússia, Ekaterina Birlova e Ekaterina Birlova, por 2 sets a 0 (23 -21, 21-16) e também avançaram.

Na raça e no coração%2C Larissa e Talita viraram contra as suíças e avançaram às semifinaisAlaor Filho/Exemlplus/COB

"Dream Team" não empolga

Classificados em primeiro do grupo, os Estados Unidos novamente tiveram dificuldades para buscar uma vitória no basquete masculino. Contra a França, a seleção norte-americana venceu a partida por 100 a 97, neste domingo. Caso consiga se classificar, o Brasil vai ter os Estados Unidos pela frente nas quartas de final.

Estados Unidos venceu a França no basqueteEfe

Andy Murray é bicampeão olímpico

O britânico Andy Murray é bicampeão olímpico. Contra Del Potro na decisão, o escocês levou a mehor contra o argentino e venceu a partida por 3 sets a 1, com parciais de 7/5, 4/6, 6/2 e 7/5. Murray já havia vencido o torneio individual de tênis há quatro anos, em Londres.

Murray derrotou Del Potro e foi campeão olímpico novamenteEfe

Bolt leva tri nos 100m rasos

O jamaicano Usain Bolt não deu chances aos rivais e se tornou tricampeão olímpico nos 100m rasos. Ele fez o tempo de 9.81 e se tornou o primeiro atleta da história dos Jogos a vencer a prova mais nobre do atletismo pela terceira vez.

Antes de Usain Bolt vencer os 100m rasos pela terceira vez, um recorde mundial histórico foi derrubado no Engenhão. O sul-africano Wayde Van Niekerk  venceu a prova dos 400m com um tempo de 43.03s, quebrando a marca do lendário Michael Johnson, que não era batido há 17 anos (43.18).

Usain Bolt comemora mais uma conquistaErnesto Carriço / O DIA / NOPP

Seleção feminina de vôlei vende de novo

A seleção feminina de vôlei segue com o seu passeio na Olimpíada. Contra a Rússia, o Brasil voltou a vencer sem perder um set. Contra a Rússia, as comandadas por José Roberto Guimarães venceram por 3 sets a 0 e vão enfrentar a China nas quartas de final da Olimpíada.

Últimas de _legado_Olimpíada