A Palinha do Apolinho: Muralha e mais dez

Agora é partir com fé para o Mineirão para buscar esse caneco

Por O Dia

Rio - O Flamengo dominou o Sport durante todo o primeiro tempo, mas foi para o descanso do intervalo com vitória por 1 a 0 e, assim mesmo, graças a um presente do goleiro Magrão, que espalmou para frente e nos pés de Guerrero um cruzamento de Trauco. Fora isso, não criou outras situações de gol e olha que o Sport marcava mal e oferecia espaços para os atacantes. No segundo tempo, Vanderlei Luxemburgo tirou Lenis e mandou Thalisson para o jogo. Reinaldo Rueda respondeu trocando Gabriel por Cuéllar. Logo em seguida, Patrick foi expulso por ofensa ao árbitro, facilitando tudo. No fim, já nos acréscimos, Everton Ribeiro escorou de cabeça cruzamento de Berrío e fechou o caixão: 2 a 0. Muralha, que jogará no dia 27 a decisão da Copa do Brasil contra o Cruzeiro, recebeu apoio da torcida durante todo o tempo e respondeu aparecendo bem nas poucas vezes em que foi obrigado a intervir. Agora é partir com fé para o Mineirão para buscar esse caneco.

Muralha foi titular contra o SportGilvan de Souza / Flamengo / Divulgação

APITO AMIGO AJUDA O LÍDER

O Vasco fez um bom primeiro tempo no Itaquerão e criou algumas chances em jogadas puxadas por Nenê. O Corinthians enfrentou dificuldades para entrar na defesa vascaína, que estava bem fechadinha. No segundo tempo, Jô, com o braço direito, escorou cruzamento da esquerda e fez o gol do Corinthians. Árbitro, bandeirinha e auxiliar atrás do gol, ninguém viu a irregularidade. e o gol foi confirmado. Jô disse que foi com o peito e nem ficou vermelho. Mais um erro grosseiro da arbitragem, uma vergonha.

PEDALADAS

O América, que está completando 113 anos, lança a pedra fundamental da nova sede hoje, às 9h, na Rua Campos Sales, 118. Parabéns!

O Fluminense saiu na frente, mas não resistiu ao Furacão, em Curitiba. Abel não gostou do que viu.

Revelado na base do Flamengo, o jovem Ronaldo, emprestado ao Atlético-GO por não ter vez nem no banco com o colombiano Reinaldo Rueda, fez um golaço do meio de campo na vitória sobre a Ponte Preta por 3 a 1. Alguma coisa está errada.

BOLA DENTRO

O Botafogo faz 2 a 0, quebra a invencibilidade de 17 jogos do Santos e vai para cima do Grêmio para decidir vaga à semifinal da Libertadores com a vantagem do empate com gols.

BOLA FORA

Os jogadores do Sport abusaram da violência, principalmente sobre o Diego e Patrick, único expulso, que só saiu por ofensas ao fraquíssimo arbitro paulista Vinícius Araújo.

 

 

 

 

Últimas de _legado_A palinha do Apolinho