A Palinha do Apolinho: Que o Fla-Flu tenha emoção!

Clubes do Rio decidem uma vaga na semifinal da Sul-Americana

Por O Dia

Rio - As duas torcidas estão ressabiadas. O primeiro Fla-Flu, disputado semana passada, pela Copa Sul-Americana, deu sono. Hoje, com novo 1 a 0, só que a favor dos tricolores, a decisão será nos pênaltis. O Flamengo joga com a vantagem do empate, e ao Fluminense caberá a missão de virar o jogo. Os dois estão devendo às suas torcidas futebol de melhor qualidade. Abel Braga luta para conseguir manter a equipe equilibrada até agora sem sucesso. Começa bem e se dispersa ao longo dos 90 minutos, aparentando desequilíbrio físico e queda no nível de concentração. Reinaldo Rueda prende em demasia, priorizando o sistema defensivo, joga com aparente medo de perder, tem a posse de bola graças a toques laterais e arremata pouco. Se preferir jogar com o regulamento, sentando em cima da vantagem do empate, poderá se dar mal. O fato é que tanto para um quanto para outro não haverá nova chance nesta competição.

Fla-Flu desta quarta decide semifinalista da Sul-AmericanaAFP

TIMÃO OFERECE A TAÇA DE CAMPEÃO

O Corinthians colocou a taça de campeão do Brasil à disposição dos interessados, mas por enquanto ninguém se habilitou a tomá-la. O Palmeiras tinha de tudo para encurtar para apenas três pontos a diferença e brigar diretamente, domingo, pela liderança. Mas não conseguiu vencer o Cruzeiro dentro de casa, empatou em 2 a 2, conseguindo o gol que evitou a derrota já no final do jogo. O Corinthians está doidinho para entregar a taça, mas como parece que ninguém quer, deverá ficar mesmo com ela.

PEDALADAS

Grêmio recebe hoje o Barcelona de Guaiaquil para a partida que definirá quem será um dos finalistas da Copa Libertadores. A vantagem gaúcha é enorme, já que goleou fora por 3 a 0. Só uma zebra louca e dopada para mudar isso, mas...

A Fifa quer o Mundial de Clubes, a partir de 2021, sendo disputado de quatro em quatro anos e com a participação de 24 times. A competição substituiria a Copa das Confederações, que agoniza e não deixará saudade nenhuma.

BOLA DENTRO

Voltandode mais uma contusão, Robinho saiu do banco para marcar um golaço, o segundo do Cruzeiro, tirando dois pontinhos preciosos do Palmeiras, justamente seu ex-clube.

BOLA FORA

O árbitro Heber Roberto Lopes anulou mal o gol que daria a vitória ao Palmeiras, por suposta falta de Borja, que, aliás, finalmente disse a que veio com os dois gols no empate com o Cruzeiro.

 


 

Últimas de _legado_A palinha do Apolinho