Medalhista Daniel Martins comemora o recorde: 'Consegui superar minha meta'

Brasileiro garantiu o ouro na disputa dos 400m rasos T20, nesta sexta

Por O Dia

Quando Daniel Martins olhou para os lados e não viu ninguém nas outras raias, foi impossível esconder o sorriso. Não era para menos: o brasileiro conquistou a medalha de ouro nos 400m rasos T20 (deficiência intelectual), e garantiu, de quebra, o recorde mundial, com a marca de 47.22s. A aparência de menino e o sorriso fácil faz lembrar um outro astro brasileiro, que também ganhou um ouro recentemente.

"O pessoal brinca muito que pareço com o Neymar. Tenho vontade de conhecê-lo, mas não me considero o Neymar do paratletismo. Torço bastante pelo ouro dele também", afirmou o atleta, que superou Paiva, da Venezuela, e Gracelino Barbosa, de Cabo Verde, que completaram o pódio.

Daniel MartinsEfe

Com apenas 20 anos, Daniel já colocou seu nome entre os principais paratletas brasileiros - além da medalha de ouro na Paralimpíada, o paulista de Marília também é o campeão mundial da prova. Com tantas conquistas em tão pouco tempo, Daniel só pensa em descanso.

"Meu maior objetivo era ser campeão mundial, mas consegui superar até minha própria meta e ser campeão paralímpico. Já está bom. Agora, meu sonho mesmo é descansar", brincou Daniel.

Para confirmar o favoritismo na prova, Daniel precisou de uma rotina intensa de treinamento, com seis dias de atividades por semana. O atleta, no entanto, confessa que não se importou muito com a técnica da corrida durante a disputa da final.

"Meu ciclo foi bastante forte, pois estávamos fazendo um trabalho bem feito no Open e conseguimos fechar com chave de ouro. Eu competi o Open machucado, foi bacana superar tudo isso. O meu treinador aconselha a fazer os primeiros 300m fortes, e os últimos metros seja o que Deus quiser. Eu aproveitei o máximo que minha juventude poderia me ajudar, mas nem percebi tecnicamente como foi a minha prova", admitiu o campeão.

*Reportagem de Yuri Eiras

Últimas de _legado_Paralimpíada