Brasil segue brilhando no atletismo e conquista ouro no revezamento

Equipe formada por Jerônimo da Silva, Gustavo Henrique, Daniel Silva e Felipe Gomes garantiu o lugar mais alto do pódio, no Engenhão

Por O Dia

Rio - No céu, o sol ilumina o a manhã de terça-feira no Engenhão. Na pista do estádio, o ouro reluz no peito da equipe brasileira, que conquistou a medalha no revezamento 4x100m, na classe T11/13. Com o tempo de 42s37, o time formado por Jerônimo da Silva, Gustavo Henrique, Daniel Silva e Felipe Gomes garantiu o lugar mais alto do pódio, e bateu, de quebra, o recorde paralímpico da prova. A China faturou a prata, com 43s05, e o Uzbequistão completou o pódio, com 43s47.

Brasil conquistou o ouro no revezamentoAlaor Filho/MPIX/CPB

A recuperação do Brasil na segunda metade da prova foi fundamental para a conquista do ouro. A equipe estava em terceiro até o bastão chegar nas mãos de Heitor Sales, guia de Daniel Silva. Ele conseguiu superar os chineses e passou para Jonas de Lima, guia de Felipe Gomes. Com arrancada espetacular, a dupla atravessou a linha de chegada para garantir o primeiro ouro brasileiro do dia.

Reportagem de Yuri Eiras

Últimas de _legado_Paralimpíada