Pat Symonds deixa Marussia para assumir cargo na Williams

Novo contrato do dirigente passa a valer a partir de agosto

Por O Dia

EUA- Pat Symonds acertou nesta terça-feira a rescisão de contrato com a Marussia, equipe em que atuava como consultor técnico, para ser o novo diretor-técnico da Williams, a partir de 19 de agosto.

"Williams é uma equipe carregada de sucessos em engenharia e me sinto honrado de poder desenvolver um papel importante para tentar devolver a equipe ao lugar que ela merece", disse Symonds, em comunicado divulgado pela escuderia britânico.

Pat Symonds acertou com a WilliamsEfe

O novo diretor-técnico da Williams ficou marcado pelo incidente envolvendo Nelsinho Piquet em 2008, quando ordenou o brasileiro a se bater o carro da equipe Renault no Grande Prêmio de Cingapura, visando ajudar na estratégia de Fernando Alonso.

A Federação Internacional de Automobilismo puniu o dirigente por cinco anos. O retorno aconteceu justamente na Marussia.