Guiñazu sofre ruptura muscular e para por no mínimo dois meses

Volante vai fazer exame na próxima semana para cuidar do edema, cirurgia não está descartada

Por O Dia

Rio - Mal chegou ao Vasco, Guiñazu já convive com um problema. O volante, que estreiou contra o Botafogo, sofreu uma lesão, e com pouco mais de 20 minutos e teve que deixar o clássico. Após realizar um exame nesta segunda, o argentino foi diagnosticado com uma ruptura muscular de grau 3 no músculo superior da coxa direita.

Guiñazu sofreu grave lesão no VascoDivulgação

Com a lesão, a tendência é de que o jogador fique no mínimo dois meses longe dos gramados, sendo esta uma previsão positiva. Na próxima semana, o atleta vai realizar um exame para saber se ocorreu ou não uma redução do edema. A princípio, a lesão de Guiñazu parece não precisar de intervenção cirúrgica, mas o diagnóstico final só irá acontecer após esse período de repouso.

Além do argentino, outro volante titular do time, Sandro Silva também não voltará tão cedo. Os exames apontaram uma lesão no joelho direito e o tempo de recuperação pode chegar a um mês e meio.