Dorival sobre a situação do Vasco: 'Não tem motivo para fazer caça às bruxas

Treinador declara que irá conversar com o grupo nesta segunda-feira para resolver os problemas da equipe

Por O Dia

Rio - A derrota para o São Paulo, atuando em São Januário, caiu como um balde de água fria no Vasco, que entrou na zona de rebaixamento. Com o alerta vermelho ligado diante do retrospecto recente ruim (três jogos sem vencer), Dorival Júnior decidiu tomar uma atitude. O treinador declarou que irá conversar com alguns jogadores nesta segunda-feira.

"Nunca fiz cobrança no vestiário. Começo a realizar o trabalho a partir do 'dia d', que será amanhã. Com a cabeça fria. Não tem motivo para fazer uma caça às bruxas agora. Tem que ter equilíbrio nesse momento. Começo a definir todas as situações e naturalmente vou conversar com aqueles que achar conveniente", contou.

Dorival não quer agir de cabeça quenteMárcio Mercante / Agência O Dia

Ao ser questionado se mexeria na equipe titular, principalmente no gol, após mais uma falha de Diogo Silva, Dorival disse que ainda não pensa em nada. O treinador prefere esperar o bate-papo com o grupo para realizar alguma mudança, se necessária.

"Nesse momento não penso nada. Vou começar a pensar no jogo a partir de agora e nas mudanças", afirmou.

O Cruzmaltino volta a campo nesta quarta-feira, diante do Vitória, em São Januário, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. O confronto será de extrema importância, já que o time baiano está somente três pontos a frente do Gigante da Colina.