Com atuação segura, Vasco bate o líder Joinville em São Januário

Dakson e Thalles fizeram os gols do triunfo cruzmaltino na noite desta sexta-feira, em São Januário

Por O Dia

Rio - A noite fria de sexta-feira e o baixo público não impediram o Vasco de alcançar uma vitória fundamental na Série B do Brasileirão. Em São Januário, a equipe bateu o Joinville por 2 a 0 e chegou à vice-liderança da competição, com 47 pontos, o mesmo número da equipe catarinense, mas com duas vitórias a menos. No entanto, pode ser ultrapassado neste sábado por Ponte Preta e Avaí. 

Com uma atuação muito segura, o triunfo cruzmaltino foi construído pelas laterais. Diego Renan e Marlon, como manda a cartilha do futebol, foram até a linha de fundo e deram assistências para os gols de Dakson e Thalles, respectivamente.

Os três pontos dão tranquilidade para o Gigante da Colina trabalhar, já que o próximo compromisso será só na próxima sexta-feira, diante do Bragantino, às 21h, também em São Januário.

LEIA MAIS: Confira as fotos da vitória do Vasco sobre o Joinville

Dakson abriu o placar para o VascoAndré Mourão

LEIA MAIS: Após boa atuação do Vasco, Rodrigo decreta: 'Jogo perfeito'

O JOGO

O Vasco começou o jogo buscando o ataque na bola parada, uma das especialidades da equipe. Douglas Silva aproveitou o toque de Rodrigo e cabeceou, mas pela linha de fundo. Depois do ritmo acelerado no começo da partida, o Gigante tirou o pé. E quando estava quase sonolento, acordou. Thalles lançou Diego Renan na ponta direita, o lateral-direito cruzou e, Dakson, na marca do pênalti, bateu meio esquisito para abrir o placar: 1 a 0. Comandando o marcador, o Cruzmaltino passou a cozinhar o jogo e os goleiros se tornaram meros expectadores dentro de campo.

Na segunda etapa, o panorama seguiu semelhante, mas com o time catarinense tentando criar perigo, mas sem efetividade. O Vasco esperava o momento certo para atacar e ele veio. Novamente em uma jogada feita pela lateral. Marlon avançou pela esquerda e levantou na cabeça de Thalles, que testou firmemente para estufar as redes: 2 a 0. O gol animou o time. Logo depois, o árbitro, acertadamente, marcou recuou do Joinville. Na cobrança de falta dentro da área, Rodrigo foi travado pela zaga. Após novo cruzamento de Marlon, Diego Renan quase fez o terceiro em uma cabeçada na cara da goleiro.

O Joinville só foi assustar à meta defendida do Martín Silva aos 29 minutos. Fabinho bateu colocado e a bola passou rente à trave esquerda. Nos instantes finais da partida, o Gigante segurou o resultado e alcançou a vice-liderança momentânea da Série B.

VASCO 2 X 0 JOINVILLE

Estádio: São Januário

Gols: Dakson (1ºT 22'), Thalles (2ºT 12')

Cartões Amarelos: Bruno Aguiar (Joinville)

Cartões Vermelhos: -

Vasco: Martín Silva, Diego Renan, Rodrigo, Douglas Silva, Marlon; Guiñazu, Pedro Ken, Dakson (Jhon Cleuy), Douglas (Lucas Crispim); Thalles (Montoya) e Kleber.

Joinville: Ivan; Edson Ratinho, Bruno Aguiar, Guti e Rogério; Naldo, Washington, Everton e Marcelo Costa (Schwenck); Hugo e Edigar Junio (Fabinho).