Por pedro.logato

Rio - Com Joel Santana, na sala da presidência, o Vasco começou mal, saiu perdendo por 2 a 0, mas no fim lutou bastante e conseguiu um improvável empate contra o Bragantino com dois gols marcados nos acréscimos.

Com o resultado, o time carioca agora está na terceira posição. O Vasco volta aos gramados na próxima terça-feira diante da Portuguesa no Canindé. Já o Bragantino recebe o Vila Nova, no mesmo dia.

Edmilson fica no chão em disputaAndré Mourão

O JOGO

Jogando em casa, o Vasco iniciou o jogo tentando cadenciar a partida e manter o controle diante do Bragantino. Porém, o ritmo do Cruzmaltino estava bastante devagar, facilitando a marcação dos paulistas.

Sem ser muito pressionado, o time visitante conseguiu um gol, logo na primeira chance que teve. Aos 21 minutos, Em cobrança de falta pela esquerda, Geandro, aproveitou o deslize de Thalles, e cabeceou firme, sem chances para Martín Silva.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Vasco

Mesmo perdendo, o clube carioca não melhorou na primeira etapa. Com um ritmo lento, os vascaínos só conseguiram uma finalização de mais perigo aos 41 minutos. Marlon cruzou e Thalles desviou, mas a bola não foi na direção do gol de Matheus Inácio.

Joel Santana assistiu o jogo longe do campoAndré Mourão

O Vasco voltou ligado para o segundo tempo. Com apenas um minuto, Lucas Crispim que entrou no lugar de Dakson no intervalo, arriscou de fora da área, para boa defesa de Matheus Inácio. No lance seguinte, após cobrança de escanteio, a bola bateu em Geandro, e foi na direção do gol do Braga, mas a trave evitou o empate cruzmaltino.

GALERIA: Vasco busca empate no fim contra o Braga

Aos 11 minutos, nova oportunidade perdida. Após bola lançada na área, Edmilson subiu e desviou para Thalles cabecear, mas novamente, o goleiro Matheus Inácio fez a defesa.

Porém, com o passar do tempo, o Cruzmaltino diminiu o seu ritmo e o Bragantino voltou a equilibrar o jogo e novamente foi cirúrgico para ampliar. Aos 27 minutos, depois de bela jogada pelo campo direito do time paulista, Antônio Flávio desviou fazendo o segundo gol dos visitantes.

Porém, a partida ainda não estava acabada. Nos acréscimos, o Vasco lutou e conseguiu o empate. Maxi Rodriguez deu um belo passe para Lucas Crispim marcar. Porém, o gol aconteceu aos 46 minutos. Dois minutos depois, veio o empate. Após belo cruzamento do meia, Douglas Silva empatou o jogo.

FICHA TÉCNICA
VASCO 2 x 2 BRAGANTINO

Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Felipe Duarte Varejão (ES)
Auxiliares: Cleriston Barreto (SE) e Marrubison (DF)
Renda/público: R$ 189.430,00/11.560 pagantes
Cartões amarelos: Geandro, Esquerdinha, Anderson Uchoa, Magno e Douglas
Cartões vermelhos: -

GOLS: Geandro (21'/1ºT), Antonio Flávio (27'/2ºT), Lucas Crispim (46'/2ºT) e Douglas Silva (48'/2ºT)

VASCO: Martin Silva; Diego Renan, Rodrigo, Douglas Silva e Marlon; Guiñazú, Pedro Ken, Dakson (Lucas Crispim - Intervalo) e Douglas (Montoya - 43'/2ºT); Thalles e Edmilson (Maxi Rodríguez - 28'/2ºT) - Técnico: Marcelo Salles

BRAGANTINO: Matheus; Samuel Santos, Yago, Alexandre; Magno Cruz (Diogo Sodré - 23'/2ºT), Geandro, Sandro e Bruno Recife; Assis (Adeílson - 14'/2ºT), Esquerdinha (Anderson Uchoa - 5'/2ºT) e Antonio Flávio - Técnico: PC Gusmão

Você pode gostar