Por edsel.britto
Rio - Centro de toda a confusão do futebol carioca, Eurico Miranda fez pouco caso da ameaça de Flamengo e Fluminense de criar uma liga de clubes. Segundo o presidnete vascaíno essa história não é nova e que ele não acredita na possibilidade da dupla Fla-Flu se desfiliar da Federação.
"Problema dele… Só quero dizer que esse é um filme que se repete. Não é uma coisa nova, só estão mudando os diretores, mas os produtores são sempre os mesmos. Criação de liga, de que não vai disputar, isso tudo é história do boitatá. Ninguém joga sozinho. Ele pode ir à vontade na justiça comum, é até um direito. O problema claro é que você é filiado a uma Federação. Pode dizer que não vai disputar, mas não disputa campeonato nenhum", alfinetou Eurico Miranda que foi empossado no Vasco no dia 2 de dezembro.
Presidente do Vasco%2C Eurico Miranda ironizou a possibilidade da criação da Liga Carioca de clubesUanderson Fernandes

Sobre a confusão entre os representantes de Flamengo e Fluminense com o presidente da Federação, Eurico acha que a nota oficial dos clubes colocou muita lenha na fogueira.

Publicidade
"Acho que a situação tanto de Flamengo quanto de Fluminense é muito difícil. O que acho que atingiu a todos foi o fato de incitar torcedores para apoiá-los na oposição à Ferj. Não satisfeitos, botaram: 'Entidade que ao longo do tempo tem representado o evidente empobrecimento técnico e financeiro do futebol'. Ofendeu a todos. Revelo que antes eu externei posição pessoal do Vasco e que foi claramente confirmada pelo presidente do Fla. Perguntei se ele não teve problemas na redação e ele disse que não", encerrou o mandatário vascaíno