Jorginho elogia entrega dos jogadores e exalta estrela iluminada de Rafael Silva

Treinador diz que gostou da obediência tática de seus atletas em campo e enche de elogios o herói da classificação vascaína

Por O Dia

Rio - Com pouco mais de uma semana no Vasco, Jorginho ainda não teve tempo de conhecer toda o elenco, mas já passou por emoções diversas com a equipe. Após o empate por 1 a 1 com o Flamengo, que classificou o Cruzmaltino na Copa do Brasil. o treinador não mediu os elogios a entrega de seu time e a obediência tática dos jogadores.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Vasco

"Foi exatamente isso. A equipe foi muito guerreira e obediente taticamente. Não perdemos o padrão de jogo e fez a diferença. Com as substituições, as coisas aconteceram. O Rafael entrou fazendo gol. Ficamos muito felizes, mas a partir de agora é pagina virada. Grande desafio é o Figueirense", analisou.

Jorginho elogiou a entrega da equipe vascaína e exaltou a estrela de Rafael SilvaErnesto Carriço / Agência O Dia

Antes da partida, Jorginho surpreendeu a todos ao deixar Herrera e Dagoberto fora do banco de reservas para incluir Thalles e Rafael Silva. A decisão do treinador se provou acertada e Rafael foi o grande herói da partida. O técnico justificou sua escolha e fez questão de exaltar a estrela do atacante ao entrar e marcar o gol da classificação.

"O Herrera foi mudança para realmente ter uma opção no banco que foi o Thalles, o Dago está com algumas dores no joelho e optamos por tirá-lo. O Rafael é jovem, entrou bem, com força, com estrela, mas com capacidade. Ele queria, estava a fim, e isso é muito importante. Todos entraram com sangue nos olhos", explicou.

O Vasco só irá conhecer o seu rival nas quartas de final da Copa do Brasil na próxima segunda-feira, às 11h, em sorteio que será realizado na sede da CBF. Antes, o Cruzmaltino tenta reverter sua situação no Brasileiro, onde é o lanterna, e no sábado recebe o Figueirense, às 18h30, em São Januário.