Ainda existe esperança: Vasco é 100% fé para escapar do rebaixamento

'A chance de fugir com 43 pontos é grande', avisa matemático

Por fabio.klotz

Rio - A maioria dos vascaínos deve ter passado o feriado do Dia de Finados fazendo cálculos para provar que o clube ainda está vivo no Campeonato Brasileiro, mesmo com 96% de risco de rebaixamento. Quem também reforça o discurso do técnico Jorginho, de que ainda é possível escapar da Série B, é o matemático Tristão Garcia. Mas, a cinco rodadas do fim, o Vasco terá de somar pelo menos 13 pontos para operar um milagre na competição.

Jorginho não perde a fé no Vasco e acredita na permanência na Série AAndré Mourão / Agência O Dia

Para o matemático Tristão Garcia, a missão ficou ainda mais complicada após a derrota por 1 a 0 no clássico com o Fluminense e o panorama não é dos mais animadores. Para se garantir na Primeira Divisão em 2016, sem preocupações, é preciso vencer todos os jogos que restam. No entanto, se vencer quatro e empatar um - aproveitamento de 86,6%, campanha de campeão, melhor do que a do líder Corinthians, que tem 73,7% -, o Vasco chegaria aos 43 pontos.

“A boa notícia é que com 44 pontos o clube escapa. Só que o Vasco só pode somar 43 ou 45. Com 43, a chance de permanência é muito grande, está acima dos 90%”, avalia.

Mas uma derrota para o Palmeiras, no próximo domingo, significaria o rebaixamento? Na análise do matemático, não.

“Terminar com 42 pontos é arriscado, cerca de 50% de chance de não cair. É como se jogasse uma moeda. Não dá para saber qual lado cairá para cima. O Vasco dependerá dos outros resultados, mas o lado bom é que os concorrentes também estão tropeçando. A sorte está lançada”, aponta Tristão Garcia.

“Essa é a vantagem dos pontos corridos. A morte é lenta. Quem está com a mão na taça ainda não é campeão e quem está na lanterna ainda não está rebaixado”, completou Tristão.

Jorginho ainda acredita

Já são cinco rodadas sem vencer, com apenas quatro pontos somados em 15. De quebra, o time, na lanterna do Brasileirão, voltou a ser alvo da gozação de seus principais rivais. O técnico Jorginho, entretanto, ainda acredita em uma recuperação surpreendente e, assim como o matemático Tristão Garcia, faz as suas contas. Para ele, o Vasco estará na briga pela permanência na Série A do Brasileiro se vencer os próximos três jogos.

“Não temos outra saída a não ser acreditar. Conversamos no vestiário, até o presidente Eurico Miranda participou. Vamos em busca do nosso objetivo. Matematicamente todos sabem que é difícil, mas não é impossível. Nós acreditamos e vamos surpreender”, prometeu o treinador.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia