Jorginho espera partida 'complicada' contra o Flamengo: 'Não tem favorito'

Treinador lembrou que a invencibilidade também gera pressão

Por O Dia

Rio - O treino do Vasco desta terça-feira teve clima descontraído e atividades leves antes da viagem para Brasília, palco do clássico contra o Flamengo, nesta quarta. Nenê não apareceu no gramado. O jogador teve febre e indisposição gastrointestinal, mas está confirmado na delegação vascaína. O atacante Riascos treinou entre os reservas e também deve viajar.

O Vasco é líder da Taça Guanabara, com nove pontos em três jogos, enquanto o Flamengo amarga uma sequência de quatro jogos sem vencer. O técnico Jorginho não acredita em favoritismo para a partida e lembrou que a pressão não será somente para o lado rubro-negro.

Jorginho não acredita em favoritismo para a partidaPaulo Fernandes / Vasco.com.br / Divulgação

"No clássico não tem isso. Não tem favorito. Sabemos o quanto o Flamengo é perigoso, tem uma boa equipe, merece todo o respeito. Estamos encarando com muita seriedade este jogo, pode nos colocar numa situação muito boa na classificação. Jogo contra o Flamengo sempre é muito difícil. Também estamos embaixo de pressão, ainda mais que hoje tem essa pressão a mais, que todos querem tirar essa invencibilidade", disse.

O treinador destacou que, apesar do momento vivido do outro lado, não espera uma partida fácil diante do Flamengo e que a vitória encaminharia a classificação do Vasco.

"É muito difícil ganhar do Flamengo. Isso se concretizando, daremos um bom passo rumo à classificação. Sabemos o quanto é difícil enfrentar o Flamengo, o quanto a equipe deles é boa. Já alertei meus jogadores sobre o quanto esse jogo vai ser complicado", falou.

O Vasco enfrenta o Flamengo nesta quarta-feira, às 21h45, no Mané Garrincha.