Vasco tem dura missão em Belém

Em momento instável, Gigante encara o Remo no Mangueirão

Por O Dia

Rio - O Vasco terá uma pedreira pela frente na estreia na Copa do Brasil. Nesta quarta-feira enfrenta o Remo, às 21h45, no Mangueirão, precisando vencer por dois de diferença para evitar o jogo de volta. Uma missão difícil se a equipe voltar a repetir os mesmos erros dos três últimos jogos. Apesar da vitória diante do Madureira, 1 a 0, domingo, e dos empates com Volta Redonda e Flamengo, 1 a 1, a equipe caiu muito de produção e já preocupa o técnico Jorginho.

Vasco estreia pela Copa do Brasil contra o RemoPaulo Fernandes/Vasco.com.br

“É minha responsabilidade fazer com essa equipe jogue melhor. Acho que a primeira partida contra o Flamengo foi nossa melhor partida. Marcamos forte, não demos nenhum espaço a eles, mantivemos a posse de bola, jogamos no campo do adversário. A comissão técnica vai estar trabalhando para voltarmos a essa situação. Precisamos voltar a jogar bem”, analisa o técnico que já diagnosticou o problema do Vasco.Segundo ele, a equipe está correndo errado.

“Eu tenho absoluta certeza e convicção que isso é uma questão de movimentação tática.Estamos marcando individual ou às vezes em dupla. Fazíamos marcação alta com todos organizados. Em alguns momentos de algumas partidas perdemos isso”, admite.

Nesta quarta-feira, Jorginho deverá escalar força máxima. Com exceção do zagueiro Rodrigo e do lateral-esquerdo Julio Cesar. O primeiro reclama de dores dores musculares na coxa direita, enquanto o lateral ainda não se recuperou de uma lesão no tornozelo esquerdo e desfalcou o time no domingo. Apesar dos problemas médicos, a dupla viajou e fará tratamento em tempo integral na concentração para ganhar condições para o clássico com o Fluminense, domingo.