No Mangueirão, Thalles marca no fim e Vasco vence o Remo na Copa do Brasil

Gigante da Colina estreou com vitória na competição nacional

Por pedro.logato

Pará - O Vasco segue invicto na temporada. Na primeira partida da equipe pela Copa do Brasil, o Gigante derrotou o Remo por 1 a 0, no Mangueirão. O duelo foi muito equilibrado e a vitória vascaína só foi concretizada no fim com o gol de Thalles marcado aos 40 minutos do segundo tempo.

Pela Copa do Brasil, o Vasco reencontra o Remo no próximo dia 27, em São Januário. Em caso de empate, o Vasco se classifica. O Remo precisa vencer por dois gols de diferença para se classificar. A equipe paranaense também avança se derrotar o Vasco por vantagem de um gol, se marcar mais de uma vez ( placares como 2 a 1, 3 a 2, ... ). Em caso de vitória por 1 a 0 do Remo, a partida será decidida nos pênaltis. Se o Vasco vencer novamente avança para a segunda fase.

O Vasco volta aos gramados no domingo quando enfrenta o Fluminense, em Manaus, pela última rodada da Taça Guanabara. As duas equipes disputam a primeira e a segunda colocação desta fase. Caso vença, o Gigante ficará em primeiro e terá a vantagem de empatar na semifinal do Carioca e de dois resultados iguais na decisão da competição, caso chegue até lá. Se o Tricolor empatar o vencer o duelo, a vantagem fica com a equipe das Laranjeiras.

Vasco derrotou o Remo por 1 a 0Carlos Gregório Jr/ Vasco.com.br

O JOGO

O primeiro tempo começou em ritmo alucinante no Mangueirão. Com apenas dois minutos, Levy fez bela jogada pela esquerda e cruzou a bola bateu em Rafael Vaz e voltou para o jogador do Remo que jogou a bola na área, Ciro finalizou mas a bola foi para fora. O Vasco respondeu aos oito. Andrezinho lançou Riascos que ficou na cara de Fernando Henrique, porém, na hora da finalização, o goleiro do Remo chegou mais rápido e abafou o lance.

A partida continuou equilibrada, mas sem o mesmo ritmo intenso. Aos 18 minutos, Nenê arriscou de fora da área e assustou Fernando Henrique. Depois o Remo respondeu em finalização de Ciro, dentro da área, mas que acabou indo para fora.

Antes do intervalo, o Vasco voltou a ter duas chances importantes de abrir o placar. Após a cobrança de escanteio, Luan chutou para a área e Rafael Vaz recebeu, o zagueiro tentou a finalização, mas acabou sendo travado. Depois, Yago Pikachu avançou com a bola e finalizou para fora, assustando Fernando Henrique.

Nenê parte com a bola para cima do rivalRicardo Lima / Estadão Conteúdo

O Vasco começou o segundo tempo criando uma grande oportunidade. Riascos passou por um zagueiro e chutou cruzado, a bola foi fraquinha mas chegou aos pés de Jorge Henrique, que cara a cara, chutou em cima de Fernando Henrique. O goleiro fez a defesa e salvou o Remo. O time paraense respondeu. Chicão ajeitou para Luiz Carlos, que finalizou forte para boa defesa do goleiro Martín Silva. 

O Remo passou a marcar mais em cima e dificultou o Vasco. Em duas jogadas de bola parada, Martín Silva evidou que os donos da casa abrissem o placar. Em uma cabeçada de Max e outra de Henrique.

Quando tudo parecia que terminaria sem gols, o Gigante conseguiu modificar o placar. Henrique fez bela jogada pela esquerda e cruzou na medida para Thalles colocar a bola no fundo das redes, dando a vitória para a equipe carioca.


FICHA TÉCNICA
REMO 0 X 1 VASCO

Estádio: Mangueirão, em Belém (PA)
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR)
Renda/público: Não disponíveis
Cartões amarelos: Eduardo Ramos, Lucas Garcia (REM) e Madson, Riascos (VAS)
Cartões vermelhos: Ninguém

GOL: Thalles 40'/2ºT (0-1)

REMO: Fernando Henrique; Levy (Alisson 11'/1ºT), Henrique, Max Lelis e Ítalo (Igor João 42'/2ºT); Lucas Garcia, Chicão, Yuri Naves e Eduardo Ramos; Ciro (Silvio 28'/2ºT) e Luiz Carlos. Técnico: Marcelo Veiga.

VASCO: Martin Silva; Madson, Luan, Rafael Vaz e Henrique (Evander 44'/2ºT); Marcelo Mattos, Yago Pikachu (Eder Luis 20'/2ºT), Andrezinho e Nenê; Jorge Henrique e Riascos (Thalles 27'/2ºT). Técnico: Jorginho.


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia