Jorginho elogia qualidade técnica de Rafael Vaz: 'Ele é um finalizador nato'

Técnico do Vasco transforma o zagueiro em atacante

Por O Dia

Rio - Jorginho surpreendeu e transformou o zagueiro Rafael Vaz em atacante no segundo tempo contra o CRB. Deu certo. Vaz brilhou como centroavante e fez o gol da classificação do Vasco na Copa do Brasil. O técnico destaca a qualidade do atleta e conta que a ideia de vê-lo no ataque surgiu no ano passado.

Rafael Vaz entrou como centroavante e brilhou para o VascoAlexandre Brum / Agência O Dia

"É importante você conhecer o material que possui em mãos. O Rafael Vaz, durante os trabalhos de campo reduzidos, sempre se destacou pela marcação intensa e pela qualidade técnica. Ele é um dos jogadores do elenco nesse quesito, além de ser um finalizador nato. Por ser um zagueiro, ele conhece como é feita a marcação em cima de um atacante e, consequentemente, sabe como se livrar dela. Já havia pensado em utilizá-lo no ataque contra o Coritiba, no último jogo do Brasileiro, mas acabei não colocando. Feliz por ele ter feito o gol", explicou Jorginho.

O técnico admitiu que o Vasco ficou devendo no empate com o CRB e fez um alerta ao time.

"Não podemos esquecer que não foi um grande jogo nosso. A equipe precisa entrar mais atenta, mais ligada. Já é um prenúncio do que será a Série B. Não entramos apáticos, mas não iniciamos com a mesma concentração dos outros jogos. Isso eu cobro da minha equipe. Não deixamos de lutar, mas foi algo alternado, não foi em conjunto, como fazemos diariamente nos treinos. O CRB é uma equipe extramemente organizada e equilibrada. Jogou lá atrás, aproveitou o contra-ataque e dificultou nossa classificação", encerrou.

Agora, o Vasco vai enfrentar o Santa Cruz na terceira fase da Copa do Brasil (as datas não estão definidas). O próximo compromisso pela Série B é neste sábado, contra o Tupi, em São Januário.