Depois de quase abandonar o futebol, Eder Luis celebra recomeço no Vasco

Após quase dois anos e meio, atacante voltou a balançar a rede e lembrou de momento difícil para superar grave lesão

Por O Dia

Rio - A sequência invicta do Vasco chegou ao fim, mas, a equipe logo virou a página e voltou a vencer. Na última terça-feira, o time de São Januário garantiu a vitória em cima do Náutico, por 3 a 2. Após quase dois anos e meio, o atacante Eder Luis voltou a balançar a rede e revelou o alívio de poder marcar novamente, depois de ter pensando em abandonar o futebol devido a uma grave lesão.

"Estava com muita ansiedade, sou acostumado a finalizar. Nem lembrava do último gol... Passei por tanta coisa. O gol é fruto do trabalho. Quando eu voltei a jogar, passou um filme na minha cabeça. Eu estava amadurecendo o gol. Em algum momento, considerei parar de jogar, fiz uma cirurgia fora do país. Achei que havia encerrado. Tive que fazer outra cirurgia, e isso foi o caminho. O Vasco teve um cuidado muito grande", disse.

Eder Luis comemora recomeço após período difícil na carreiraPaulo Fernandes / Vasco.com.br / Divulgação

O atacante foi um dos responsáveis pela conquista da Copa do Brasil, em 2011. O famoso trem-bala da Colina ganhou o carinho dos torcedores e era a comemoração principal da equipe durante a campanha. Após passar por muitos momentos difíceis, Eder Luis destaca que o trem-bala traz boas recordações.

"Espero que a gente continue a fazer essa comemoração e outras também. Gol é gol, né. O trem-bala é uma comemoração legal, traz aquelas lembranças. O Nenê tinha pedido, e fizemos", falou.

Eder Luis frisou a importância de poder voltar a colaborar com a equipe e garante que deixou o momento difícil no passado.

"Fico feliz pela jogada do gol, de que eu posso colocar na frente, de que posso fazer as jogadas que fazia antes. Eu sou um jogador de velocidade. Precisava de mobilidade e não tinha isso. Hoje eu vejo que valeu a pena o que eu passei. Hoje eu estou muito bem. Acredito que o Eder Luis daquela fase já passou", concluiu.