Jorginho diz que não há dependência de Nenê no Vasco: 'A gente vive sem ele'

Técnico ressaltou importância do jogador, mas afirmou que a equipe tem outros atletas para suprir uma possível ausência

Por O Dia

Rio - Foi justamente na ausência de Nenê que o Vasco perdeu a sua histórica série invicta. O que pode ter parecido para muitos um sinal de dependência do craque, para Jorginho não ligou o sinal de alerta. No retorno do meia após cumprir suspensão, a vitória também voltou: 3 a 2 sobre o Náutico. Apesar disso, o técnico cruzmaltino garantiu que o time sobrevive sem o jogador.

"Perdemos o Nenê no jogo passado, mas poderíamos ter vencido. Não tenha dúvida que Nenê é muito importante, mas a gente vive sem o Nenê. Temos outros jogadores importantes. É sempre bom contar com outros jogadores, e a dor de cabeça fica comigo", definiu Jorginho, que completou:

"Eu havia falado sobre a experiência da minha equipe. Todo mundo ficou triste com a perda da série invicta, mas sabíamos que mais cedo ou mais tarde isso ia acontecer. Estamos em busca do retorno à primeira divisão. A experiência desses jogadores não deixou com que a equipe oscilasse. A equipe não ficou abatida, ficou consistente em relação ao que quer."

A vitória desta terça-feira manteve o Vasco na liderança isolada da Série B - caso perdesse, poderia deixar a ponta da tabela. Mais tranquilo, o Cruzmaltino agora se prepara para encarar o Paysandu, no sábado, às 16h30, em São Januário.