Jorginho rejeita dependência de Nenê no Vasco e enche a bola de Andrezinho

Time cruzmaltino derrotou o Bragantino por 2 a 1, de virada

Por O Dia

Rio - O Vasco saiu atrás no placar em São Januário, mas contou com a expulsão de Gabriel Dias e boas substituições de Jorginho para mudar a situação no placar. Com a segunda vitória em três jogos sem Nenê, o técnico cruzmaltino reforçou que não há dependência do atacante e aproveitou para elevar a moral de Andrezinho.

"Nenê é um jogador extremamente importante para a nossa equipe. Fundamental em todo trabalho que realizamos esse ano. Evander entrou bem nesses dois jogos. Tentamos dar mais profundidade à equipe com o Éderson. Precisávamos arriscar. É muito bom contar com o Nenê, mas saber que temos outras opções. Precisamos fazer justiça. O Andrezinho é um jogador extremamente importante na nossa equipe. Jogador que procura sair, parte para o drible, busca a bola. No meio, é um jogador muito importante. Tanto ele, quanto o Nenê. Têm ajudado muito a nossa equipe. Foi bom ganharmos esses dois jogos. Não podemos depender apenas de um atleta", disse Jorginho.

Jorginho falou sobre as possibilidades do ataque cruzmaltinoDivulgação

No intervalo, Jorginho apostou na estreia de Éderson para melhorar o ataque. Logo depois, sacou Eder Luis do banco para atacar o adversário com força total. As escolhas funcionaram e o técnico revelou que esta era a sua formação ideal para disputar o segundo tempo de jogo.

"O jogo ficou difícil por causa do gol que tomamos. Estava longe, mas achei que foi falta no Rodrigo. Os erros acontecem. Nós soubemos trabalhar, principalmente no segundo tempo. Infelizmente, perdemos o Jomar. Queria já entrar com o Éderson e o Eder desde o início do segundo tempo. Por causa da situação do Jomar, tivemos que mudar os planos. Não dava pra jogar em extrema velocidade, precisávamos ter um controle. Tendo a necessidade, nós vamos sim colocar mais gente no ataque. Ficamos felizes pela estreia do Éderson. Conheço o Éderson bem. Fico feliz de poder contar com ele, com o (Júnior) Dutra, nos dão mais possibilidades. O Thalles vem jogando muito bem. Vem fazendo o papel de pivô. Temos muitas possibilidades", analisou.

O Vasco, líder isolado da Série B, com 35 pontos, encara o Criciúma na próxima rodada, no sábado, às 21h, em São Januário.