Apesar de ter 97% de chance de voltar à Série A, Jorginho pede seriedade

Vasco pode garantir retorno na próxima rodada até mesmo se perder do Criciúma, caso Náutico e Londrina não vençam seus jogos

Por O Dia

Rio - Antes da partida contra o Bragantino, o clima em São Januário era de tensão. Com 75% de chances de voltar à Série A, o Vasco teve de dar explicações à torcida, que entrou no clube para fazer cobranças aos jogadores e à comissão técnica. Mas a vitória suada e sofrida por 2 a 1, em Bragança Paulista, não só trouxe o alívio à Colina como praticamente deixou o time com um pé na elite do futebol brasileiro. Segundo o matemático Tristão Garcia, há 97% de chances de a equipe garantir o acesso.

Vasco pode garantir retorno na próxima rodada até mesmo se perder do CriciúmaPaulo Fernandes/Vasco.com.br/Divulgação

Apesar da situação confortável após uma forte tempestade, o técnico Jorginho não quer saber de clima de já ganhou e muito menos de acomodação no elenco.
“Ninguém relaxa. Vamos pensar nas férias ou qualquer outra coisa só depois que garantirmos o acesso. Todos estão em estado de alerta. Precisamos fazer um bom jogo contra o Criciúma e sabemos que é uma equipe de qualidade, perigosa”, afirmou Jorginho.

MARACA OU SÃO JANUÁRIO?

Em segundo lugar, com 62 pontos, a cinco de Náutico e Londrina, que estão em quinto e sexto respectivamente, o Vasco pega o Criciúma no próximo sábado, às 16h30, no Heriberto Hülse e, se vencer, garantirá a vaga. A classificação pode vir até mesmo em caso de derrota, desde que Náutico e Londrina não vençam suas partidas, contra Tupi (já rebaixado) e Avaí (que está na mesma situação do Vasco), respectivamente.

A diretoria do Vasco tenta agora levar o jogo contra o Ceará, pela última rodada, de São Januário para o Maracanã, para que o time possa contar com o apoio da torcida.