Cristóvão afirma que o Vasco tem condições e vai conseguir a classificação

Treinador foi bastante criticado por parte dos torcedores que pediam incessantemente a saída dele do time cruzmaltino

Por O Dia

Rio - O Vasco pregava jogar com inteligência e não levar gol em casa, só que deu tudo errado e o Cruzmaltino acabou se complicando diante do Vitória, pela Copa do Brasil, além de ter deixado a torcida furiosa contra Cristóvão Borges. Após a partida de ida da terceira fase, o técnico admitiu que entende a cobrança por parte dos torcedores.

Cristóvão Borges%2C VascoPaulo Fernandes/Vasco.com.br

"A torcida quer o que nós queremos: ganhar e jogar bem. Alguns momentos são importantes para fazermos isso, como hoje (ontem), e não aconteceu. Mas vamos seguir o trabalho. Tem a partida de volta e temos toda condição de conseguirmos a classificação em Salvador", disse Cristóvão Borges.

A torcida foi enfática no estádio, querendo a saída do treinador. Quando foi questionado sobre sua permanência ele se esquivou e jogou a responsabilidade para a diretoria do clube.

"Essa pergunta só ele (diretoria) pode responder. Vou continuar trabalhando, não muda nada. Vou continuar trabalhando na remontagem da equipe, é um processo que requer tempo. Estamos precisando, junto com isso, de resultados. Quando conseguirmos regularidade, a coisa anda com mais tranquilidade", falou o técnico.

O Vasco volta a jogar na próxima quinta-feira contra o Vitória, no Barradão. Para avançar na Copa do Brasil, o Gigante da Colina precisa vencer por qualquer placar.