Zé Ricardo discorda de Eurico e não vê jogo com Fla como 'campeonato à parte'

Treinador também afirmou que evita sair de casa por 'rivalidade grande'

Por O Dia

Rio - Zé Ricardo viverá no próximo sábado, no Maracanã, às 19h, o seu primeiro Clássico dos Milhões pelo lado do Vasco. Ele reencontra o Flamengo, que comandou por pouco mais de um ano. Focado em vencer o duelo para entrar na zona de classificação da Libertadores, Zé discorda do presidente, Eurico Miranda, e de alguns jogadores que afirmam que o jogo é um 'campeonato à parte' e analisa o jogo. 

Zé Ricardo fala sobre clássico contra o FlamengoPaulo Fernandes/Vasco.com.br/Divulgação

"Eu vou discordar do presidente e dos atletas. Vejo como um jogo especial, mas não um campeonato à parte. É um clássico que movimenta boa parte do Brasil, e esse jogo vai decidir uma posição na tabela. Se vencermos, ultrapassamos, se eles vencerem, abrem seis pontos na nossa frente. Já ficaria mais difícil brigar com esse adversário. Esse que é o foco da nossa preparação", afirmou o treinador. 

Questionado sobre sua rotina às vésperas do clássico, o treinador admitiu que tem que mudar um pouco os hábitos e, temendo a grande rivalidade, evita sair de casa.  

"Eu tenho evitado. Estou sentindo falta, porque gosto de ir na rua, ir na banca de jornal, tomar um café na padaria... A torcida trabalha com paixão, sabemos que a rivalidade é muito grande. Até para evitar algum tipo de piada, prefiro ficar em casa (risos)", completou o comandante vascaíno.