Por douglas.nunes

As empresas listadas na BM&FBovespa terão que dar informações financeiras e mais detalhadas sobre operações como fusão e incorporação de ações, além das condições para direito de voto dos acionistas, informou nesta segunda-feira a Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

As novas regras estão na Instrução 565, em substituição à 319, que regulava o assunto.

Segundo a autarquia, o texto novo atualiza regras sobre conteúdo mínimo dos comunicados ao mercado, deveres dos administradores, informações financeiras pro forma e critérios e de conteúdo mínimo dos laudos de avaliação.

Também foi alterada a Instrução CVM 481, com regras sobre documentos necessários para exercício do direito de voto e as condições de liquidez para exclusão do direito de recesso.

Você pode gostar