Por nadedja.calado

Rio - O envidraçamento das varandas é uma tema polêmico. Mas além de verificar se a legislação municipal permite o fechamento, é preciso ter cuidado na hora de solicitar o serviço. O gerente de Produtos da Barra Vento, Fernando Bolsanello, destaca os principais pontos que precisam ser analisados na hora da contratação do serviço. “Ao contratar o serviço, é preciso saber se há autorização do prédio, o tipo de material utilizado, a certificação da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e a garantia do produto”, explica Bolsanello.

Há diversas opções de fechamento de varandas que o mercado oferece. É preciso ter cuidado também com o material a ser escolhidoReprodução

Quem mora em condomínio sabe que nem tudo é permitido. Justamente por isso, antes de contratar o envidraçamento é imprescindível verificar com o síndico quais as regras para esse tipo de serviço. “É essencial saber com o condomínio se essa prática é permitida e se há uma padronização a ser seguida. Caso contrário, o condômino pode ser advertido para desfazer a obra. E até mesmo sofrer ações judiciais”, afirma Bolsanello.

Isso porque as varandas gourmet viraram uma tendência e passaram a predominar nos novos empreendimentos. Elas são ideais para quem busca um espaço de lazer com maior conforto, privacidade e sofisticação. Por isso, muitas pessoas que têm esse tipo de espaço em seus imóveis optam pelo envidraçamento.

Ele conta que, além da autorização do condomínio, é preciso uma aprovação técnica de um engenheiro que irá validar se a varanda está apta para receber o peso adicional dos vidros. “Não é todo prédio que possui estrutura para receber o envidraçamento da sacada, principalmente quando falamos em construções antigas. Por isso, o aval de um engenheiro técnico é essencial para não haver danos ao prédio e nem comprometer a segurança dos moradores ou de quem passa pela rua”, complementa.

Outra recomendação é avaliar a segurança, a estrutura e a qualidade com que o material foi desenvolvido. A iniciativa é primordial para garantir a durabilidade do serviço e a segurança dos moradores. De acordo com Bolsanello, o ideal é pegar referências e conhecer o produto que a empresa oferece antes de concluir o negócio.

Certificação da ABNT

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) tem diversas regras para todos os sistemas de envidraçamento de sacada. Ao contratar o serviço, o ideal é pedir para a empresa apresentar o certificado confirmando que presta serviços disponibilizando produtos dentro dos requisitos de regulamentação e segurança.

Na Barra Vento, nós oferecemos excelência em qualidade do produto e comprovamos isso através de certificações, sempre que necessário. Além disso, somos os únicos do mercado com o selo ABNT dado às empresas que cumprem as normas NBR 16259”, explica Fernando Bolsanello, gerente de Produtos da Barra Vento.

Garantia

Verificar a garantia do produto é imprescindível antes de assinar o contrato. Bolsanello conta que essa é uma informação que precisa estar bastante esclarecida, pois muitas empresas trabalham com sistemas exclusivos, que não permitem manutenção ou assistência de outras empresas. “É preciso estar atento ao prazo de garantia que a empresa oferece. Sempre aconselho os clientes a fugirem de prazos muito pequenos. Além de não passarem segurança em relação a qualidade do produto, ainda pode ser um problema na hora de fazer a manutenção, já que não é qualquer lugar que pode resolver um eventual problema”, finaliza.


Você pode gostar