Putin assina decreto que reconhece independência da Crimeia

A Crimeia votou no domingo a favor da anexação da região pela Rússia em um referendo que a Ucrânia e a comunidade internacional consideram ilegal

Por O Dia

MOSCOU - O presidente russo Vladimir Putin assinou nesta segunda-feira um decreto que reconhece a independência da península separatista ucraniana da Crimeia, anunciou a presidência.

A Rússia, "levando em conta a vontade dos povos da Crimeia expressa durante o referendo do dia 16 de março de 2014", decidiu "reconhecer a República da Crimeia como Estado soberano e independente, onde a cidade de Sebastopol tem um status especial", segundo o texto do decretou publicado pelo Kremlin.

O decreto entra em vigor "no dia de sua assinatura", indica o texto.

A Crimeia, ocupada há mais de duas semanas por tropas russas, votou em massa no domingo a favor da anexação da região pela Rússia em um referendo considerado ilegal por Kiev e pela comunidade internacional.

Seu Parlamento decidiu nesta segunda-feira por unanimidade pedir oficialmente a integração da Crimeia à Federação da Rússia.

Últimas de _legado_Notícia