Berlusconi cumprirá pena com trabalhos em benefício da comunidade

Ex-primeiro-ministro italiano, condenado por fraude fiscal, visitará centro de idosos na região de Milão uma ou duas vezes na semana

Por O Dia

Roma - O ex-primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi cumprirá a condenação de um ano de detenção com trabalhos em benefício da comunidade, decidiu nesta terça-feira o tribunal de aplicação de penas de Milão, informou a imprensa.

De acordo com os meios de comunicação, o ex-Cavaliere, título honorário que perdeu, vai cumprir a condenação em uma residência para idosos deficientes.

Berlusconi foi condenado em definitivo em agosto a quatro anos de prisão por fraude fiscal, pena reduzida a um ano graças a uma anistia.

Os advogados solicitaram na semana passada que ele cumprisse a pena com trabalhos de interesse geral, ao invés da prisão domiciliar, o que representa maior liberdade de movimentos.

Não foram reveladas as condições precisas do cumprimento da pena pelo magnata dos meios de comunicação e ex-premier.

O bilionário de 77 anos, líder indiscutível há duas décadas da direita italiana e três vezes primeiro-ministro, não vai para a prisão por causa da sua idade.

Berlusconi, que deseja seguir com sua carreira política e que não é considerado um criminoso de alta periculosidade, provavelmente cumprirá uma pena leve.

O magnata pretende comparecer apenas uma ou duas vezes ao centro de idosos, que fica a poucos quilômetros de sua residência de Arcore, na região de Milão, segundo os advogados.

Últimas de _legado_Notícia