Cadela sobrevive a naufrágio e reaparece após mais de um mês

Luna teria nadado três quilômetros

Por O Dia

Rio - Dada como morta, Luna, uma mistura de pastor alemão e husky, apareceu em uma ilha da Marinha norte-americana cinco semanas após desaparecer ao cair do barco em que viajava. Na quinta-feira a cadela voltou para seu dono, que acreditava que ela havia se afogado. Luna nadou mais de três quilômetros até a Ilha de San Clemente, no litoral de San Diego, onde membros da Marinha a encontraram na terça-feira, segundo informações da porta-voz da Base Naval de Coronado, Sandy DeMunnik. “Foi um caminho longo e perigoso para um cachorro”, disse a porta-voz.

Conner%2C amigo do dono de Luna%2C reencontra a cadela na baseDivulgação

Luna tem 18 meses. Em 10 de fevereiro, estava no barco do dono, Nick Haworth, quando desapareceu. Ele estava pescando. De repente, a cadela não estava a bordo. Haworth a procurou por dois dias e contou com a ajuda da Marinha, que também rastreou a ilha por uma semana, de acordo com DeMunnik.

Dez dias após o desaparecimento, Haworth pensou que ela estava morta. Chegou até mesmo a compartilhar fotos da cadelinha com a mensagem “RIP Luna”. Mas o melhor amigo, Conner Lamb, pôde pegá-la quarta-feira.

Luna, provavelmente, não passou mais de um dia na água. Foi encontrada sentada às margens de uma estrada na ilha. “Sempre soube que era uma lutadora”, escreveu o dono no Facebook.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência