China nega acesso de porta-aviões americano a Hong Kong

Essa área está no centro das tensões entre os Estados Unidos e o país oriental

Por lucas.cardoso

Hong Kong - A China negou o acesso de um porta-aviões dos Estados Unidos chamado USS John C. Stennis a um porto de Hong Kong, disse o porta-voz do Pentágono, o comandante Bill Urban, conforme reportagem da CNN.

A reportagem lembra que essa recusa por parte da China ocorre duas semanas depois de o secretário de Defesa Ash Carter visitar o Stennis enquanto o porta-aviões estava operando no Mar do Sul da China. Essa área está no centro das tensões entre os Estados Unidos e a China, por ser uma área disputada, na qual Pequim está construindo e militarizando ilhas.

Não ficou claro por que o acesso do Stennis foi negado. Um porta-voz da Secretaria de Segurança de Hong Kong se recusou a comentar a decisão, dizendo que o governo da Região Administrativa Especial de Hong Kong não iria falar sobre visitas individuais de navios de guerra estrangeiros, diz a reportagem da CNN.

"Fomos recentemente informados de que um pedido de visita portuária de um porta-aviões dos EUA, o USS John C. Stennis, e embarcações de acompanhamento foi negado", disse. "Temos um longo histórico de visitas portuárias bem-sucedidas a Hong Kong, incluindo a atual visita atual do USS Blue Ridge (o navio de comando), e esperamos que assim continue".

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia