Serial killer ri de pai desesperado em tribunal e quase é agredido

Criminoso fez cena de deboche no momento em que pai falava sobre como sua família tinha sido destruída por assassinato

Por O Dia

Estados Unidos - Um pai ficou revoltado durante um tribunal em Cleveland, no estado de Ohio, Estados Unidos, nesta quinta-feira, durante o julgamento do serial killer acusado de estuprar e matar sua filha. Após perceber que o criminoso Michael Madison estava debochando do ocorrido, Van Terry pulou e tentou agredi-lo. A reação viraizou na web.

Pai de jovem estuprada e morta por serial killer tentou agredir crminosoReprodução Fox 8 News

O incidente ocorreu logo após a condenação do acusado. Terry discursava dizendo que ele havia destruído sua família ao matar sua filha quando ouviu um barulho, se virou e viu que o homem estava rindo. Ele não aguentou e pulou na direção do acusado para tentar agredi-lo.

Michael Madison foi condenado pela morte e estupro de três mulheres — Shirellda Terry, de 18 anos, Shetisha Sheeley, de 28, e Angela Deskins, de 38.

Nehuma reclamação formal foi feita ainda contra Terry por conta do incidente.


Últimas de _legado_Mundo e Ciência