Polícia está abatendo jacarés para encontrar corpo de menino

Quatro já forma mortos. Na madrugada desta quarta-feira, a operação é de resgate e a equipe está "muito esperançosa'

Por O Dia

Estados Unidos - A polícia de Orange já matou quatro jacarés durante as buscas desesperadas pelo menino de 2 anos arrastado por um animal da espécie enquanto brincava às margens de uma praia do complexo Disney's Grand Floridian Resort & Spa, perto de Orlando, na Florida, Estados Unidos. Agentes estão vasculhando a lagoa, abatendo e retirando os animais em busca do corpo da criança, mas ainda não o encontraram. As informações são da emissora "CBS."

Leia: Criança de 2 anos é arrastada por jacaré em parque da Disney

Buscas por menino arrastado por jacaré continuam durante esta quarta-feira Reprodução Instragram

De acordo com o xerife Jerry Demings, em entrevista coletiva na madrugada desta quarta-feira, a operação é de resgate e a equipe está "muito esperançosa." A polícia disse em entrevista à emissora que estão tentando "procurar e procurar até não terem mais o que encontrar" no local.

O especialista em conservação de vida selvagem Nick Wiley explicou que é raro que pessoas sejam atacadas por jacarés, mas que o animal se movimenta muito. De acordo com ele, os animais começaram a ser removidos de dentro d'água durante a madrugada, mas nenhuma evidência foi achada. Para a análise ser feita, foi preciso que eles fossem abatidos.

Segundo o pai do menino, que não teve a identidade divulgada pela polícia, não há placas no local que indiquem proibição de entrar na água. No entanto, a polícia esteve no local e informou o contrário: Há placas de sinalização. "Aqui é a Flórida e não é incomum jacarés aparecerem em lagoas", afirmou o xerife.

Nas redes sociais

Uma mãe que está no resort compartilhou imagens da busca pelo corpo do menino em sua conta na rede social Instagram. Katherine declarou que não quer "invadir a privacidade da família, mas vai compartilhar as imagens como forma de alertar outros."


Últimas de _legado_Mundo e Ciência