'Peladão' que se dizia filho de Mujica é preso no Uruguai

Estrangeiro, que fala espanhol muito mal, está delirando há vários dias, de acordo com forças de segurança uruguaias

Por O Dia

Uruguai - Um homem foi hospitalizado em uma instituição psiquiátrica no Uruguai após ser detido por policiais quando tirava a roupa na frente do sítio onde mora o ex-presidente José Mujica (2010-2015) e sua esposa, a senadora Lucía Topolansky.

Segundo o jornal local "El Observador", se tratava de um estrangeiro de origem árabe que dizia ser filho do casal e pedia para ser adotado.

Mujica se recusou a receber homem que pedia para ser adotadoJoão Laet / Agência O Dia

O episódio foi registrado na semana passada. Após Mujica se negar a recebê-lo, ele resolveu tirar as roupas como forma de protesto.

O homem, cuja identidade não foi revelada, ainda alegava que foi recebido em diversas ocasiões pelo ex-mandatário e sua esposa em sua residência. Segundo as forças de segurança, o estrangeiro, que fala espanhol muito mal, está delirando há vários dias.

A localização do humilde sítio do ex-presidente em Rincón del Cerro é de conhecimento comum e ele costuma receber pessoas que precisam de ajuda.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência