Holandês é internado após viajar 4.500 km e levar 'toco' de namorada chinesa

Alexander Pieter Cirk foi para a China conhecer jovem de 26 anos, que não apareceu no aeroporto para recepcioná-lo

Por O Dia

China - Um holandês de 41 anos passou 10 dias vivendo no aeroporto Changsha Huanghua International Airport, na China, e precisou ser internado. Alexander Pieter Cirk saiu da Holanda e viajou para a cidade de Changsha, na China, para conhecer "Alice", uma jovem de 26 anos com quem ele conversava virtualmente.

Holandês viajou 4.500 km para encontrar namorada virtual chinesaReprodução

Depois de dois meses trocando mensagens com a jovem, o holandês tirou o visto, comprou uma passagem e viajou 4.500 km para conhecê-la. Antes de embarcar, ele ainda tirou uma foto da passagem e mandou para a jovem, que não apareceu no aeroporto para recebê-lo.

A jovem disse que ficou confusa com a mensagem e não entendeu que Alexander Cirk estava indo para a China. Ela também afirmou que acabou de passar por uma cirurgia no nariz e está em processo de recuperação. Por isso, não foi ao seu encontro.

O holandês não desistiu de encontrar a amada e passou 10 dias vivendo no aeroporto. Diabético e se alimentando apenas com miojo, o homem precisou ser internado. Ele deve voltar para a Holanda assim que receber alta do hospital. 

Alice, que na verdade se chama Zhang, garantiu que vai procurar o namorado virtural assim que estiver recuperada da cirurgia para explicar tudo o que aconteceu. Resta saber se é verdade...

Últimas de _legado_Mundo e Ciência