Por rafael.nascimento

Roma - Em um vídeo divulgado nesta quarta-feira, o grupo terrorista Wilayat Sinai, braço do Estado Islâmico na Península do Sinai, promete atacar Israel "em um futuro próximo" e "conquistar Roma".

"Esse é só o início. Os nossos encontros acontecerão também em Roma e Jerusalém", diz o narrador. Geralmente, a capital da Itália é mencionada por jihadistas como um símbolo do cristianismo.

Você pode gostar