Mais de 500 combatentes morrem em uma semana na batalha de Aleppo

'A maioria dos mortos são de insurgentes devido aos bombardeios aéreos', acrescentou a fonte

Por O Dia

Síria - Mais de 500 combatentes - entre insurgentes, jihadistas e forças pró-regime - morreram em uma semana na batalha de Aleppo, norte da Síria, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

"Mais de 500 combatentes nas fileiras do regime e nas dos jihadistas e rebeldes islamitas perderam a vida em Aleppo desde domingo", informou a ONG.

"A maioria dos mortos são de insurgentes devido aos bombardeios aéreos", acrescentou a fonte.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência