Fogos de artifício deixam névoa tóxica em cidade na Índia

Festa hindu deixou Nova Déli debaixo de espessa fumaça

Por O Dia

Índia - Nova Déli se encontra envolta em uma névoa tóxica nesta segunda-feira, um dia depois da grande festa hindu do Diwali, durante a qual se costuma fazer espetáculos com fogos de artifício.

Uma espessa fumaça impede a visibilidade, mesmo no interior das casas e túneis do metrô.

Pela primeira vez na capital indiana, o recorde de 1.000 microgramas de partículas finas por metro cúbico de ar foi superado em um bairro do sul, o RK Puram. O dado é dez vezes superior aos máximos recomendados pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Névoa tóxica por cima da cidade de Nova Déli%2C após as comemorações da festa hindu do Diwali%2C quando acontecem espetáculos com fogos de artifícioAFP/Money Sharma

Apesar de as concentrações poluentes diminuírem nas últimas horas, pela manhã continuavam acima dos 700 microgramas por metros cúbico em vários bairros da capital.

A festa hindu das luzes - o Diwali - é conhecida por ser muito poluente devido aos fogos de artifício, o que implica sérios riscos respiratórios para os habitantes da capital, de acordo com as autoridades.

Uma semana antes da próxima rodada de conversações sobre a mudança climática, que acontecerá no Marrocos de 7 a 18 de novembro, a Unicef publicou nesta segunda-feira um estudo sobre o perigo da poluição atmosférica para a saúde das crianças. 

Cerca de 300 milhões de crianças vivem no mundo em locais com poluição atmosférica causadora de danos físicos sérios, incluindo problemas de desenvolvimento cerebral, segundo a Unicef.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência