Por caio.belandi

Porto Rico - Três crianças brasileiras foram encontradas mortas nesta quarta-feira, na cidade de Ponce, em Porto Rico. De acordo com informações dos jornais locais, a investigação policial aponta como principal suspeito o americano de origem porto-riquenha Erik R. Seguinot Ramírez, de 50 anos, pai das crianças, que teria asfixiado os filhos e se enforcado em seguida. Os menores era nascidos em Santa Catarina e tinham cinco, sete e nove anos. Os três eram filhos de Ramírez com a brasileira Marlene Martins da Rocha, de 33 anos, que estava em Los Angeles, nos Estados Unidos.

Erik R. Seguinot Ramírez era americano de origem porto-riquenha e morava em Porto Rico há três anos com os mulher brasileira e os três filhos do casalReprodução/Facebook

O casal morava em Porto Rico há três anos. O jornal porto-riquenho 'Primera Hora' afirma que Marlene havia feito duas queixas neste ano contra Ramírez por violência doméstica, mas o pai convivia com os filhos normalmente. As crianças estavam na casa da avó paterna, que não teria notado a ação e chamou a polícia somente na manhã de quarta, após encontrar os corpos. 

Você pode gostar