Por lucas.cardoso

Buenos Aires - Uma argentina de 23 anos se recupera nesta quarta-feira dos ferimentos sofridos após se jogar do segundo andar do edifício em que mora para fugir de um homem que entrou no prédio e, segundo declarou a jovem, tinha a intenção de estuprá-la.

A estudante de medicina, Nadia Sepúlveda,  voltava para casa quando, na porta do edifício onde vive em La Plata, capital da província de Buenos Aires, encontrou o suposto agressor, que pediu para entrar.

Polícia investiga a tentativa de estuproAFP

"Ela pensou que era um vizinho e o deixou entrar, mas uma vez dentro ele deu um soco nela e começaram a gritar. Ele quis levá-la para o apartamento dela pelos cabelos, mas ela conseguiu se soltar e escapar", contou à imprensa Pablo, irmão da vítima.

Para fugir do possível agressor, a menina saiu correndo e saltou pela varanda, em um outro apartamento. Vizinhos a encontraram no chão e seguraram o suposto agressor, que segundo afirmou a agência estatal de notícias "Télam" conta com antecedentes de roubo e foi detido pouco depois pela polícia.

O incidente ocorreu na segunda-feira, pouco após Nadia ter voltado a La Plata, onde estuda, da cidade natal, Bahía Blanca, na mesma província, mas a imprensa local só noticiou o caso nas últimas horas.
Publicidade
A estudante foi levada para um hospital e se recupera dos ferimentos leves que sofreu durante o fato. De acordo com o irmão, Nadia disse que o agressor não queria roubá-la, mas cometer um estupro.
Você pode gostar