Por clarissa.sardenberg

Itália - Em um encontro no Vaticano com o presidente da Guiné, Alpha Condé, o papa Francisco ganhou nesta segunda-feira uma máscara que simboliza o deus da fertilidade e da vida. "A Itália precisa muito de fecundidade", brincou o líder da Igreja Católica ao receber o presente. O país possui a menor taxa de natalidade da União Europeia e convive com uma constante queda no número de nascimentos.

Diplomático%2C papa recebeu com bom-humor máscara de deus da fertilidade de presente do presidente da GuinéEfe

A partir deste ano, o governo italiano pagará uma "bolsa bebê" de 800 euros (R$ 2,7 mil, segundo a cotação atual) para incentivar cidadãos a terem filhos. Recentemente, o Ministério da Saúde tentou até promover campanhas sobre a importância da fertilidade, mas foi acusado de sexismo e racismo.

Em uma delas, postou nas redes sociais uma imagem que mostra uma mulher com uma ampulheta na mão, ao lado do slogan "A beleza não tem idade. A fertilidade, sim". Já outra montagem dizia: "Proteja sua fertilidade. Por você. Por nós. Por todos".

Governo italiano foi acusado de campanha racista%2C em setembro de 2016%2C ao tentar promover fertilidadeDivulgação

Em uma segunda campanha, a pasta abordou os "estilos de vida corretos para a prevenção contra a infertilidade, mostrando dois casais brancos e sorridentes para simbolizar as "boas atitudes" e jovens negros consumindo drogas para representar as "más companhias".

Além disso, muitos italianos lembraram da dificuldade de se ter um filho no atual momento de crise enfrentado pela nação. Em um protesto em setembro passado, manifestantes chegaram até a pedir a renúncia da ministra da Saúde Beatrice Lorenzin, que acabou reconduzida ao cargo pelo novo premier Paolo Gentiloni.

No entanto, apesar das ações em prol da fertilidade, o governo da Itália ainda impõe muitas restrições a práticas como a reprodução assistida, por exemplo, que é vetada para casais homossexuais e solteiros. Além disso, o país proíbe o uso de "barrigas de aluguel" ou "solidárias".

Você pode gostar