Risco de inundação desaloja 200 mil no norte da Califórnia

'Ladrão’ de super-represa se rompeu

Por O Dia

Estados Unidos - Quase 200 mil pessoas tiveram de sair de suas casas no norte da Califórnia pelos severos danos detectados em um vertedouro da barragem de Oroville, embora a ameaça de uma inundação tenha diminuído.

As autoridades ordenaram a evacuação de pelo menos 188 mil habitantes da zona pela “potencial” derrubada de uma seção do vertedouro de emergência de Oroville, a represa mais alta dos EUA, situada a cerca de 250 quilômetros a nordeste de São Francisco.

Topógrafos avaliam a estabilidade do solo da Represa de OrovilleEfe

As fortes chuvas debilitaram o canal de transbordamento do pântano, de 230 metros de altura, e a ruptura da estrutura dessa estrutura “resultaria em uma liberação incontrolada de águas do Lago Oroville”, segundo a advertência emitida pelo Serviço Meteorológico Nacional.

O governador da Califórnia, Jerry Brown, também emitiu ordem de emergência para ajudar as autoridades locais nos trabalhos de emergência e nas evacuações. Em vista do risco, as autoridades emitiram uma ordem de evacuação das localidades de Oroville, Palermo, Gridley, Thermalito, South Oroville, Oroville Dam, Oroville East e Wyandotte.

No entanto, funcionários locais advertiram nas últimas horas que a ameaça reduziu porque o nível de água tinha diminuído e já não saturava o canal de desaguamento afetado.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência