Avalanche mata soldados cazaques durante manobras militares

Deslizamento aconteceu em uma região conhecida como Garganta de Koksai — a 110 Km da cidade de Taraz. Sete pessoas estão desaparecidas

Por O Dia

Astana - Pelo menos sete soldados do Cazaquistão morreram nesta sexta-feira após uma avalanche durante manobras no sul do país, informou o Comitê de Situações de Emergência local. "Acabamos de saber que morreram sete pessoas. Outros dez soldados foram resgatados. As operações de salvamento continuam", disse Ruslan Imankulov, porta-voz do comitê, para a imprensa.

Militares tentando resgatar as pessoas que estão soterradas Reprodução

Enquanto isso, fontes dos serviços de resgate da região de Zhambyl informaram que as equipes estão procurando sete soldados desaparecidos.

Em um primeiro momento se informou que mais de 20 militares tinham ficado soterrados pela neve em uma região montanhosa na fronteira com o Quirguistão.

O acidente aconteceu na garganta de Koksai - a 110 quilômetros da cidade de Taraz - onde a unidade militar 91678 realizava exercícios de inverno, segundo informou o Ministério da Defesa cazaque.

Além dos demais soldados da unidade, 75 membros dos serviços de emergência e um grupo de médicos participam dos trabalhos de resgate.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência